Os elevadores são notícias de ontem. Ajudamo-lo a procurar maneiras alternativas de apresentar suas ideias de negócio a possíveis interessados da maneira mais eficaz e rápida possível.

Antes, um Pitch no Elevador perfeito era considerado o caminho para transmitir a sua ideia de negócio a um potencial investidor ou a alguém com a capacidade de tomar decisões, em tempo recorde. Praticava um discurso super-rápido para fazer com que algum executivo imaginário que encontrou num elevador fictício. O argumento teria que prender a sua ideia e convencer o seu alvo a investir em si e na sua empresa antes que as portas se voltassem a abrir. Mas atualmente esta abordagem está morta. O que o substituiu é toda uma gama de abordagens possíveis que podem ser difíceis de navegar, mas que oferecem aos empreendedores muitas opções para se adequar ao seu próprio estilo. Vamos analisar três.

O método Godin

O guru do marketing Seth Godin, como deve ter adivinhado, tem o seu próprio método para apresentar ideias de negócios. O método Godin baseia-se em reduzir a quantidade de palavras usadas nos slides da apresentação a um mínimo absoluto. Ele sustenta que os pontos resumidos do que o apresentador está a dizer são redundantes e perturbadores. Esta abordagem requer muita prática de pitching, pois não poderá usar as informações nos slides como apoio. O benefício desse método é que aumenta sua credibilidade, destacando o quão eficaz você é como comunicador e, caso bem implementado, o quão apaixonado você é pelas ideias.

Pecha Kucha

Se Pecha Kucha não significa nada para si, provavelmente é porque é japonês para “conversa rápida”. Este método de apresentação foi desenvolvido por dois arquitetos japoneses que organizaram uma conferência para impedir que os seus colegas falassem demais.

O método envolve uma apresentação de 20 slides por exatamente 20 segundos cada. O tempo dos slides é definido automaticamente para que não haja espaço para manobras. A seleção dessa abordagem impõe disciplina ao apresentador, exigindo que ele condense suas ideias à sua essência absoluta. Manter o texto do slide no mínimo também é uma boa ideia ao usar esta abordagem, assim como praticar o seu tempo.

O método Takahashi

À primeira vista, o método Takahashi parece ser o oposto polar do método Godin, mas no fundo têm algumas semelhanças.

Na tentativa de se afastar das apresentações tradicionais de slides, o programador japonês Masayoshi Takahashi, para fazer uma apresentação de cinco minutos sem usar o powerpoint, decidiu concentrar-se apenas nas palavras. Ele usou grandes caracteres japoneses pretos sobre fundo branco e reduziu-os ao mínimo absoluto.

Esta abordagem, seja em japonês ou usando um idioma baseado em alfabeto, força o apresentador a ser breve e a não desorganizar as apresentações com recursos visuais desnecessários. Cada slide exige identificar a essência da mensagem e reduzi-la a uma única palavra ou apenas algumas palavras.

 

Qualquer que seja o método que escolher para apresentar as suas ideias, é importante lembrar que o objetivo de seu discurso é fazer com que o seu público queira iniciar uma conversa. Não é um acordo único em que vende a sua ideia ou volta para casa. Como Godin nos lembra: "Não nos venda nada além do desejo ardente de acompanhar".

13 set

Como apresentar as suas ideias de maneira rápida e eficaz?

Outras Notícias

Captura De Ecrã 2022 03 17, Às 17.10

À conversa com… os membros do LACS

Saiba mais
D50 0191

Trabalhar no escritório… Mas só de vez em quando

Saiba mais
Captura De Ecrã 2022 02 01, Às 16.46

No Dia dos Namorados, o LACS organiza um speed date entre startups e potenciais parceiros

Saiba mais
Whatsapp Image 2021 12 09 At 11.34

LACS está na COMIC CON PORTUGAL, O MAIOR EVENTO DE CULTURA POP EM PORTUGAL

Saiba mais